Leituras para o Dia do Sexo

| 06 setembro 2017 | |
Hoje é comemorado o dia do Sexo, e a data traz em si um simbolismo que remete à pratica sexual: 06/09, em alusão à posição 69. Trata-se de uma brincadeira de duplo sentido, e se popularizou graças a uma campanha publicitária para uso de preservativos. O fato é que a ideia 'colou' e hoje em dia não dá pra se ignorar o 'boom' envolta do tema...

'Mas o blog é basicamente sobre livros, porque se falar em sexo?' Alguns podem se perguntar. Oras, existe o nicho da literatura que abarca o tema, e não poderia deixar de falar a respeito por aqui, trazendo algumas dicas de leitura que podem apimentar o seu dia... Seja em poesia, contos, prosa ou até mesmo quadrinhos, a literatura nos contempla com o prazer do sexo escrito, que só as boas obras podem nos proporcionar... E se você não tem com quem comemorar a data, por que não se entregar ao deleite de uma leitura erótica?  


Impossível não falar em erotismo na literatura e deixar de fora o grande nome feminino nesse campo das letras: a escritora francesa Anaïs Nin. Nascida em 1903, viveu durante muito tempo nos Estados Unidos e foi precursora do movimento feminista e da revolução sexual. Com obras como Delta de Vênus, Incesto e Henry e June - este último retirado de seus diários e contando de seu relacionamento com o escritor Henry Miller e sua esposa June - Nin tem uma escrita poderosa e cheia de vigor, que certamente irá agradar aos paladares eróticos mais refinados. Você pode encontrar alguns posts falando mais sobre ela e sua obra aqui no blog...


Ainda na veia clássica dos eróticos, indico o Marquês de Sade que chegou a escrever contos eróticos inclusive quando esteve preso na Bastilha, em 1787. Seus contos são protagonizados por maridos devassos ou corneados, mulheres submissas e lascivas, prostitutas, mocinhas virginais e ardilosas, padres sacanas e afins... Sua literatura também expõe criticas ferrenhas à moral religiosa e a hipocrisia social. Sade escandalizou gerações com seus contos e foi censurado por anos após sua morte. Seu nome gerou o termo Sadismo, foi condenado por sodomia e quase é morto, mas sua condenação foi anulada e ele se refugiou em seu castelo, escrevendo lá 120 dias de Sodoma, obra imortalizada no cinema por Pier Paolo Pasolini, cineasta italiano. Em breve trago algumas postagens mais aprofundadas sobre Sade e sua obra, mas recomendo de antemão A filosofia na Alcova e O corno de si mesmo...


Clássicos libertinos também ganham o ar da graça por aqui. O sofá, Decamerão, Teresa Filósofa e Anti-Justine são recheados de aventuras amorosas e  libertinas, que servem ao mesmo tempo para desmascarar a falsa virtude, vaidade e outros vícios da Humanidade. Incesto, perda da virgindade, prazer feminino, enfim... temas tabus para a sociedade do século XVIII. A luxúria paira sobre as páginas de tais obras. Tem ares de cinismo e são verdadeiras jóias de indiscrição para fazer os leitores mais puritanos corarem...

Na poesia erótica destaco a obra Antologia Pornográfica: de Gregório de Matos a Glauco Mattoso. Tratam-se de poemas escandalosos escritos na língua portuguesa, do século XVII ao século XXI, reunidos no livro através do trabalho de Alexei Bueno. A antologia é um verdadeiro santuário pornográfico, que foge do politicamente correto e da moralidade mascarada. 

"O cono é fortaleza,
O caralho é capitão,
Os colhões são bombardeiros,
O pentelho é o murrão."

Quem aprecia contos pode se encantar com a escrita de Dalton Trevisan em Continhos Galantes. Sua narrativa possui um vigor cru e retrata o cotidiano de maneira seca, objetiva e sem preâmbulos. Com toques mordazes beirando o sujo...

"Te ajudava a baixar essa calça azul. Abria as tuas pernas. E com este dedinho acordava o teu vulcão."

Aos que preferem uma leituras mais contemporânea, podem se envolver com os poemas de Tico Santa Cruz em seu livro Tesão. Ricamente ilustrado, a proposta do cantor foge da poética sedução e se desvela pelo campo do sexo de maneira selvagem, primitiva, condenável e despida de preconceitos... 

"Estou em chamas,estou ardendo de vontade de te agarrar pela cintura e enveredar por entre as suas pernas com meus beijos."

Por fim, indico alguns quadrinhos adultos que podem ser um diferencial para este dia. Nomes como Milo Manara e Guido Crepax que nos presenteiam com roteiros ousados e desenhos magistrais, mostrando o sexo por ângulos incrivelmente sedutores. Manara é um dos principais nomes dos quadrinhos eróticos na Europa, e traz personagens que se envolvem em verdadeiras aventuras sexuais bizarras...  Crepax também é nome tarimbado no gênero, e através de sua personagem Valentina, encanta os aficionados pelo gênero... Além deles faço uma menção honrosa ao francês Frédéric Boilet, que através de um traço no estilo oriental e poucos diálogos, mostra que as imagens por si mesmas tem um poder de envolver o leitor em suas fantasias mais loucas...




13 Comentários:

Pandora Says:
06 setembro, 2017

hahaha achei engraçada a alução ao 69 hahah
Eu morro de vontade de ler Decamerão, tenho na estante alias. Também amo Gregoro de Matos. Já Manara não gostei #MeJulgue Acho "O clic" terrívelll... mas amei a ideia do post, super completo!

Jaci
Uma Pandora e Sua Caixa

Raquel Machado Says:
08 setembro, 2017

Ola,
Tudo?
Desses que você comentou só sabia dos contos do Marquês de Sade e confesso que nunca tive vontade de ler, infelizmente não me agrada muito, mas para quem gosta do gênero é uma boa dica.
Raquel Machado
Leitura Kriativa
http://leiturakriativa.blogspot.com.br

Fabrica dos Convites Says:
08 setembro, 2017

Oi Maria, nem sabia que tinha uma data comemorativa para o sexo kkkk
Falam muito bem do livro do Tico Santa Cruz, mas eu mesma não li ainda, só vi uns textos aqui outro ali. Gostei das dicas de quadrinho.
Bjs, Rose

Karina Fagundes Says:
10 setembro, 2017

De todos eles eu só tinha ouvido falar dos contos do Marquês de Sade mesmo, mas acho interessante esse tipo de literatura. Mas, adorei as dicas de leitura <3
Parabéns pelo blog :)

Suzana Chaves Linhares Says:
10 setembro, 2017

Olá! Muito legal sua postagem. A literatura tem um leque bem grande com o tema erótico. Confesso que nem todos me agradam, mas já li uns muito bom. Dos que você mostrou, não li nenhum, mas gostei de saber mais sobre eles, beijos!

The Bookshelter Says:
10 setembro, 2017

Nem sabia da existência desse dia xD Vi aí uns livros que me interessaram... Vou adicionar à minha interminável wishlist :)

Unalome Fotografia e Evolução - Says:
10 setembro, 2017

Demais as dicas. Adoro poemas eróticos. Bora meter o pé nos tabus. Parabéns pela postagem. Beijos.

Caroline Moreira Says:
10 setembro, 2017

Olá!

Achei bacana trazer essas indicações, pois acho uma bobagem o sexo ser um tabu, inclusive na literatura. Confesso que eu nunca havia visto esses títulos, mas achei bem curiosa essa seleção, até porque sou muito fã de contos e fiquei encantada pelas capas hahahaha São bastante ousadas mas também convidativas :D

Um beijo, Carol
Blog com V.

Luma Vieira Says:
10 setembro, 2017

Que legal sua explicação relacionada ao dia não sabia. Abordar sobre este tema e bem interessante e apresentar as literaturas também. beijos

Mari Says:
11 setembro, 2017

Nunca li nenhum desses livros, mas acho interessante a forma como cada um fala sobre sexo.
Beijos
Mari
Pequenos Retalhos

Impressões de Maria Says:
11 setembro, 2017

Olá.
Eu fico impressionada como sexo ainda é um assunto tabu, ainda que muitos escritores considerados clássicos já tenha escrito algo com essa temática.
Das obras listadas, só tive contato com a de Gregório de Matos.
Abraços.

Lorena Caribé Says:
13 setembro, 2017

Olá! Ainda não conhecia a maioria dessas obras. Interessante como sexo ainda é um assunto tabu. Muitos livros traz cenas, alguns do gênero hot são mais explícitos, mas quando o assunto é o principal pouco leiam ou compartilham. Muito bom seu post, bjo

Barbara M. Cabalero Says:
13 setembro, 2017

Oi.
Parabéns pelo post.
Adorei, principalmente porque você não incluiu na sua lista os livros eróticos contemporâneos que estão fazendo tanto sucesso.
Fiquei curiosa para conhecer essas obras que você mencionou e adorei você ter falado um pouco sobre o contexto histórico delas.
Beijos.

Postar um comentário

De Bukowski a Dostoievski. Ana Cristina César a Lilian Farias. Deleite-se com a poesia de Florbela Espanca e o erotismo de Anaïs Nin...
Aforismos, devaneios, quotes dispersos e impressões literárias...um baú de antiguidades e pós-modernismo. O obscuro, complexo, distópico, inverso... O horror, o amor, a loucura e o veneno de uma alma em busca de liberdade...

Seja bem-indo-e-vindo[a]!

╬† Literatura no Mundo ╬†

╬† Autores ╬†

agatha christie Alan Dean Foster Alan Moore Álvares de Azevedo Ana Cristina César Anaïs Nin Anna Akhmatova Anne Rice Anne Sexton Antônio Xerxenesky Arthur Rimbaud Bob Dylan Bram Stoker Cacaso Caio f. Abreu Cecília Meireles Charles Baudelaire charles bukowski Charles Dickens chuck palahniuk Clarice Lispector clive barker Cruz e Sousa dalton trevisan David Seltzer Dik Browne Don Winslow edgar allan poe Eduardo Galeano Emily Brontë Ernest Hemingway Eurípedes F. Scott Fitzgerald Ferreira Gullar Florbela Espanca Franz Kafka Garth Ennis George R. R. Martin Gilberto Freyre Guido Crepax H. G. Wells H. P. Lovecraft Haruki Murakami Henry James Herman Hesse Herman Melville Hilda Hilst honoré de balzac Horacio Quiroga Hunter S. Thompson Ignácio de Loyola Brandão isaac asimov Ivan Turgueniev J. R. R. Tolkien Jack Kerouac Jack London Jay Anson João Ubaldo Ribeiro Joe Sacco Jon Krakauer Jorge Luis Borges José Mauro de Vasconcelos Julio Verne Konstantinos Kaváfis L. Frank Baum Laura Esquivel Leon Tolstói Lord Byron Luciana Hidalgo Luiz Ruffato Lygia Fagundes Telles manoel de barros Marcelo Rubens Paiva Mario Benedetti Mark Twain Marquês de Sade Martha Medeiros Mary Shelley Michel Laub Miguel de Cervantes Milo Manara Moacyr Scliar Neil Gaiman Nelson Rodrigues Nicolai Gógol Oscar Wilde Pablo Neruda Patti Smith Paulo Leminski Pedro Juán Gutierrez Rachel de Queiroz Rainer Maria Rilke Ray Bradbury Robert Bloch Robert Kirkman robert louis stevenson Roberto Beltrão Rubem Alves Sándor Márai Sófocles Stephen King Stieg Larsson Susan E. Hinton Sylvia Plath Torquato Neto Victor Hugo Virginia Woolf William S. Burroughs Ziraldo
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Witches Hat
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...